226 Visualizações

Esta quinta-feira, dia 26 de setembro, comemora-se o ‘Dia Europeu Sem Mortes na Estrada’. O projeto foi lançado em 2016, é apoiado pelos 30 países membros do European Traffic Police Network (TISPOL) e “tem como desígnio e ambição a concretização de um dia nas estradas europeias sem acidentes mortais”.

Neste dia, os painéis de mensagem variável nas estradas portuguesas vão exibir mensagens que apelam a comportamentos seguros: “Dia Europeu Sem Mortes nas Estradas” e “Esqueça o Telefone, Modere a Velocidade, Siga em Segurança”.

“Este dia pretende consciencializar e mobilizar a sociedade civil para redução da sinistralidade rodoviária na Europa, convidando todos os cidadãos europeus, que partilham as estradas, a participarem com sugestões de melhoria e a assumir uma nova postura na condução, prudente e redobrada em cuidados”, pode ler-se em comunicado conjunto da Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR), do Instituto da Mobilidade e Transportes (IMT), da Infraestruturas de Portugal (IP) e da Associação Portuguesa das Sociedades Concessionárias de Autoestradas ou Pontes com Portagens (APCAP), enviado às redações.

A partir das 14h30, realiza-se, no Auditório da Biblioteca Municipal de Oeiras, uma conferência sobre o estado atual da segurança rodoviária, numa altura em que o agravamento das estatísticas de mortalidade interpelam todas as entidades relacionadas com a mobilidade em Portugal.
O número de mortos e feridos graves nas estradas portuguesas está a aumentar, com os acidentes rodoviários a terem sido a causa direta de 675 mortes no ano de 2018, mais 73 do que em 2017 (número mais elevado desde 2012).

Fontes:Jornal das oficinas; Noticias ao minuto

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *