352 Visualizações Afinal que testes existem à COVID-19?

Afinal que testes existem à COVID-19?

Noticias

Se é uma pessoa atenta tem ouvido falar muito nestas duas palavras: Zaragatoa e Serológicos.
Estas duas palavras são as mais usadas quando se fala sobre testes relacionados com a COVID-19, mas têm objetivos distintos.

Existem dois tipos de testes relacionados com a COVID-19, os Testes de Diagnóstico, que permitem saber se a pessoas está ou não infetada pelo novo Coronavírus, e os Testes Serológicos que permitem perceber se já possui anticorpos para a doença.

Os Testes de Diagnóstico ou PCR avaliam a presença do vírus no aparelho respiratório e são feitos retirando uma amostra de ambas as narinas e da garganta, através da passagem de uma zaragatoa (cotonete grande). O teste apesar de causar algum desconforto, é indolor e demora apenas alguns segundos. Estas amostras são posteriormente enviadas para os laboratórios certificados que se encarregam de fazer a respetiva análise. Os resultados costumam estar prontos entre 24 e 72 horas, dependendo sempre da afluência de pessoas a realizarem os testes.
Independente do resultado deste teste, qualquer pessoa que tenha estado exposta a situação de risco, deve manter-se isolada por 14 dias, isto porque a sua carga viral pode ser reduzida ao ponto de não ser detetável através deste Teste de Diagnóstico, mas suficiente para a transmitir a terceiros.

Já os Testes Serológicos servem para avaliar a presença de anticorpos específicos para o novo coronavírus no sangue. Estes anticorpos só aparecem em pessoas que já tenham estado em contacto com o vírus, mas é possível ter anticorpos e não estar infetado.  Estes testes podem ser feitos de duas formas, ou por testes rápidos que funcionam com a recolha de uma gota de sangue colocada num mostrador próprio ou por análise laboratorial com recolha de sangue.
No entanto deve optar-se sempre pelo teste em laboratório, uma vez que segundo a Associação Nacional dos Médicos de Saúde Pública, os testes rápidos apresentam baixa taxa sensibilidade, podendo conduzir a resultado falsamente negativo.

Procure obter informação de vários meios crediveis e não partilhe informação que possa causar más interpretações. Lutar contra esta pandemia é um trabalho de todos nós e uma população informada estará mais capacitada para o fazer.

Se quiser saber mais informação médica sobre a COVID-19 consulte o site da Associação Nacional dos Médicos de Saúde Pública, o site da Direção Geral de Saúde ou o Site da Organização Mundial de Saúde e lembre-se que esta é uma doença nova mas que existe toda uma comunidade cientifica à procura de respostas.

 

451 Visualizações Exercício de combate a Incêndio Rural em época COVID

Exercício de combate a Incêndio Rural em época COVID

Noticias

A Malveira da Serra, em Alcabideche, foi o palco escolhido para a realização do 1º Exercício de Combate a Incêndio Rural em época de COVID-19.

Todas as cinco corporações de Bombeiros de Cascais marcaram a sua presença, naquele que pretende ser um exercício de treino para preparar as equipas para os incêndios rurais. Também o Serviço Municipal de Proteção Civil e as Autoridade Policias estiveram no local a apoiar os trabalhos.

O cenário preparado foi de um incêndio florestal com 8 pontos de intervenção, combatido por 8 equipas.

Além do trabalho realizado pelas equipas no terreno, onde se pretende a organização do teatro de operações e o estabelecimento de medidas, também para os elementos do Posto de Comando este foi um exercício que os pretendeu preparar para o desenvolvimento, ação e implementação de um plano estratégico. Este ano o exercício foi preparado de forma especial, tendo em conta o cenário de pandemia que se vive.

Este exercício contou com a participação de cerca de 70 operacionais, 14 veículos dos distintos corpos de Bombeiros e teve uma duração de aproximadamente 4 horas.

Este slideshow necessita de JavaScript.

705 Visualizações Tudo o que mudou esta noite na área Metropolitana de Lisboa

Tudo o que mudou esta noite na área Metropolitana de Lisboa

Noticias

De dia para dia os novos casos de COVID-19 crescem na área metropolitana de Lisboa.
Esta situação obrigou o governo a aplicar medidas especiais para a contenção da pandemia, que entraram hoje, à meia noite, em vigor.

“Assim, no âmbito da estratégia de prevenção, contenção e mitigação da pandemia da doença COVID -19 em Lisboa e Vale do Tejo, importa garantir a aplicação de medidas especiais e de caráter excecional na Área Metropolitana de Lisboa, por ser a mais afetada presentemente.” Poderá ler aqui o documento.

As novas regras passam a:
-Grupos de 10 pessoas máximo, salvo pertença ao mesmo agregado familiar;
-Encerramento de estabelecimentos de comércio e retalho às 20h00. Esta regra não se aplica à restauração;
-Proibida a venda de bebidas alcoólicas nas áreas de serviço ou postos de abastecimento de combustível;
-Proibido o consumo de bebidas alcoólicas em espaços ao ar livre de acesso ao público;
-Reforço, em caso de necessidade, das equipas de segurança e socorro;

O não cumprimento destas regras é considerado e tratado como crime de desobediência.

 

878 Visualizações Regresso das aulas de karate

Regresso das aulas de karate

Noticias

As nossas aulas de karaté começam já na próxima segunda-feira, 15 de junho, com novos horários e localização.

As aulas passam a acontecer, para todos os níveis, às segundas e quartas-feiras entre as 19:00h e as 20:00h, no Pavilhão Desportivo de Murches.

Este regresso implicará mudanças, sendo que as aulas acontecem no exterior deste espaço e com diversos grupos de trabalho.
A própria modalidade sofrerá algumas alterações, sendo que não existirá qualquer contacto pessoal entre os atletas. Todos os exercícios terão por base o distanciamento, respeitando assim as regras definidas pelas autoridades competentes.
Serão vários os instrutores local, para poderem trabalhar separadamente com os grupos e apesar das aulas acontecerem no mesmo recinto, os grupos de trabalho estarão separados uns dos outros e não sofrerão alterações. Cada grupo de trabalho será o mesmo ao longo de todo o mês.

Quanto ao equipamento necessário, pede-se que todos os alunos se façam acompanhar de Ténis,  Calcas de quimono/Calções, T-shirt e Cinto.
Pedimos aos alunos que compareçam no local com 10 minutos de antecedência, findos os quais as portas serão encerradas.
Após o final da aula, todos os alunos devem deixar o recinto, não sendo permitido grupos de convívio no interior.

A todo o momento existe uma linha telefónica 214607953 e um email desporto@ahbva.pt disponível para o ajudar e esclarecer qualquer dúvida.

Morada: R. Fernando Pessoa 27, 2755-223 Alcabideche

Se és nosso aluno, contamos contigo já na próxima segunda-feira, com todas as medidas necessárias implementadas, para a tua segurança.

 

1.081 Visualizações reabertura com novas medidas

reabertura com novas medidas

Noticias

O nosso ginásio reabre no dia 15 de junho e foram criadas novas regras de funcionamento e segurança.

Alertamos todos os desportistas que estas regras são de cumprimento obrigatório. Os Bombeiros de Alcabideche reservam-se o direito de proibir a permanência no interior do seu edifício a todos aqueles que não as cumpram. Somos todos agentes de proteção civil pelo que é da responsabilidade de cada um a denuncia de casos que desrespeitem ou incumpram as regras definidas.

Este espaço será limpo diversas vezes ao longo do dia e os equipamentos devidamente desinfetados. A meio do dia e também ao final do dia é feita uma limpeza a fundo garantindo a sua higienização. Foram inutilizadas algumas máquinas, garantindo assim o distanciamento mínimo de 3m² entre pessoas.

Evitar a propagação deste vírus é um trabalho de todos, pelo que pedimos que utilize a sua roupa de treino apenas uma vez, lavando-a antes de cada nova utilização. Solicitamos ainda que troque de calçado para entrar no ginásio ou que os desinfete no local.

Todos os desportistas possuem uma referência multibanco única, use-a para fazer o pagamento das suas mensalidades e quotas, reduzindo assim o contacto presencial junto dos nossos serviços administrativos.

REGRAS ESPAÇO GINÁSIO-MUSCULAÇÃO

-a utilização deste espaço obriga à pré-marcação online em https://www.ahbva.pt/formulario/
-a pré-marcação tem a duração mensal;
-não são permitidas mais de 20 pessoas dentro deste espaço em simultâneo;
-deverá lavar/desinfetar as mãos antes de entrar no ginásio;
-os balneários encontram-se encerrados e a sua utilização é proibida, acesso apenas a cacifos;
-os desportistas devem vir equipados de casa;
-é obrigatório o uso de máscara de proteção sempre colocada a tapar o nariz e a boca durante todo o período de permanência dentro das instalações dos Bombeiros de Alcabideche, poderá ser retirada apenas enquanto fizer o seu treino.
-é obrigatório o uso de toalha pessoal. Sempre que utilizar uma máquina, a toalha deve servir de barreira entre o corpo e o equipamento. Poderá fazer-se acompanhar de colchão pessoal para utilização.
-cada desportista é responsável por manter a distância de segurança dentro do espaço, não sendo permitido o contacto físico com o instrutor, funcionários e restantes desportistas;
-o tempo máximo de permanência dentro do ginásio é de 60 minutos, findos os quais a pessoa deve retirar-se, de forma a providenciarmos a limpeza do espaço;
-cada utilizador terá que desinfetar os equipamentos após a sua utilização, pesos, máquinas, steps….
-deverá lavar/desinfetar as mãos antes de deixar o edifício.

Não são permitidos acompanhantes no interior do edifício.

A todo o momento existe uma linha telefónica 214607953 e um email comunicacao@ahbva.pt disponível para o ajudar e esclarecer qualquer dúvida.

 

1.005 Visualizações Abrimos portas no dia 15

Abrimos portas no dia 15

Noticias

Falta pouco mais de uma semana para voltarmos a estar juntos.
No próximo dia 15 o nosso ginásio reabre as suas portas.
Mas para que este reencontro seja possível, fomos obrigados a criar um novo modelo de funcionamento.

Durante os próximos dias vamos fazer sair por email toda a informação importante para que saibas o que estará em vigor para te protegeres e manteres as regras de segurança estabelecidas pela Direção Geral de Saúde.

Para podermos fazer esta informação chegar até ti, regista-te no nosso site.
Basta deixares o teu email em rodapé da possa página, na zona indicada na imagem.
Até breve

1.403 Visualizações Ginásio reabre dia 15

Ginásio reabre dia 15

Noticias

O ginásio dos Bombeiros de Alcabideche tem a sua reabertura marcada para segunda-feira, dia 15 de junho.

A abertura desta atividade será feita de acordo com as medidas indicadas pela Direção Geral de Saúde, minimizando ao máximo o perigo de contágio por COVID-19.
Destacamos:
-Acesso a solução desinfetante à base de álcool;
-Delineação de circuitos de circulação;
-Limitação do número de pessoas dentro do nosso ginásio;
-Pelo menos 3m² de distância entre pessoas durante a prática desportiva;
-Uso obrigatório de máscara de proteção nas entradas e saídas das instalações;
-Obrigatoriedade do uso de máscara por parte dos instrutores;
-Proibição de contacto físico entre colaboradores, praticantes e administrativos;
-Evitar o uso de superfícies porosas (ex: colchões), sendo que cada utilizador poderá fazer-se acompanhar do seu material;
-Reposicionamento de máquinas evitando o frente a frente;
-Superfícies porosas como pegas devem ser revestidas de pelicula aderente e substituídas a cada utilização;
-Arejamento dos espaços entre sessões;
-Limpeza do material e espaço entre sessões;
-Encerramento dos balneários;

O nosso ginásio passará a funcionar entre as 08h00 e as 21h00, com intervalos de aulas de 90 minutos, treinos de 60 minutos, e os restantes 30m para arejamento e limpeza do espaço.

As aulas deverão ser marcadas previamente online, sendo que cada grupo de trabalho deve manter-se até ao final de cada mês. Desta forma estaremos a garantir que existe o menor contacto possível entre desconhecidos. Cada grupo de trabalho terá no máximo 20 pessoas.

O ginásio estará encerrado entre as 14h00 e as 16h30 para limpeza e desinfeção profundas.

Atempadamente faremos circular entre todos os nossos desportistas o plano interno de contingência, onde serão espelhadas estas e outras regras que consideramos fundamentais para voltarmos a funcionar sem riscos para colaboradores e desportistas.

Estas regras circularão por email, pelo que pedimos que atualize o seu endereço de email no nosso site. Para tal basta que coloque o seu email na zona REGISTE-SE AQUI, presente em rodapé da home page do site.

Esta reabertura está condicionada pela evolução da pandemia, sendo que qualquer novo cenário obrigará a um novo estudo de soluções, de acordo com as norma e recomendações da DGS.

O regresso das aulas de modalidades está em estudo, sem data ainda definida.

Estamos ao dispor para esclarecer qualquer dúvida, pelos contactos secretaria@ahbva.pt ou 214607953 entre as 09h00 e as 17h00.

1.157 Visualizações DIA DA CRIANÇA

DIA DA CRIANÇA

Noticias

A nossa escola de Infantes e Cadetes deseja que todas as crianças possam ser felizes, que todas as crianças tenham direito a proteção, que todas as crianças tenham acesso a bens essenciais e que todas as crianças sejam amadas.

Por isso relembramos os princípios da Declaração Universal dos Direitos das Crianças:

-Todas as crianças têm o direito à vida e à liberdade.
-Todas as crianças devem ser protegidas da violência doméstica.
-Todas as crianças são iguais e têm os mesmos direitos, não importa a sua cor, sexo, religião, origem social ou nacionalidade.
-Todas as crianças devem ser protegidas pela família e pela sociedade.
-Todas as crianças têm direito a um nome e nacionalidade.
-Todas as crianças têm direito a alimentação e ao atendimento médico.
-As crianças portadoras de dificuldades especiais, físicas ou mentais, têm o direito a educação e cuidados especiais.
-Todas as crianças têm direito ao amor e à compreensão dos pais e da sociedade.
-Todas as crianças têm direito à educação.
-Todas as crianças têm direito de não serem violentadas verbalmente ou serem agredidas pela sociedade.

683 Visualizações Ir à praia em Segurança

Ir à praia em Segurança

Noticias

Lançado pela Agência Portuguesa do Ambiente, o manual ‘Ir à praia em segurança’ foi criado com o objetivo de reduzir o risco de contágio por COVID19 entre os utilizadores das praias, permitindo assim a abertura da época balnear.

Por não existirem ainda dados que permitam aos cientistas analisarem este vírus de forma completa e no seu contexto real, os estudos que deram origem a este manual foram feitos com base nos comportamentos dos anteriores SARS e MERS, onde se concluiu que existe um baixo risco de contaminação através da água. Mas o risco de transmissão através das secreções respiratórias continua a ser real, pelo que a utilização da praias deve ser feita de forma controlada e com todas as medidas de proteção adequadas, definidas pela Direção- Geral de Saúde (DGS), como o distanciamento físico, a higiene frequente das mãos, a etiqueta respiratória, a limpeza e higienização dos espaços e a utilização de máscara e viseira, quando necessário.

Este manual completo pode ser consultado aqui. Deixamos no entanto um pequena resumo escrito pela própria Agência Portuguesa do Ambiente

‘No que se refere aos utentes destes espaços é importante que sejam utilizadas as seguintes boas práticas para uma ida à praia em segurança:

· Antes da praia: verificar a afluência às praias próximas, consultando a app InfoPraia, preferindo as que estão com um nível de ocupação mais baixo, assinaladas a verde, bem como praias vigiadas e com controlo da qualidade;
· Quando se verificar um nível elevado de ocupação não arriscar deslocação, pois pode ser difícil manter a distância de segurança;
· Nos acessos à praia: usar calçado, circular sempre pela direita e seguindo as indicações que possam existir no chão e mantendo a distância de 1,5 metros dos outros utentes que não pertençam ao mesmo grupo;
· Na praia: preservar a distância de segurança de 1,5 metros aos outros utentes, na praia, à beira-mar e no banho;
· No bar da praia, instalações sanitárias: usar calçado, desinfetar as mãos e manter a distância de segurança;
· Na saída da praia: não deixar resíduos nem beatas na praia devendo ser acondicionados e colocados nos contentores respetivos (máscaras e luvas são sempre depositados nos contentores de lixos indiferenciados).

Seja um agente de saúde pública.’

Pode ainda descarregar aqui o documento que lhe permite consultar as praias do país, a lotação máxima e as condições de utilização.