200 Visualizações Plano Outono-Inverno do Ministério da Saúde

Plano Outono-Inverno do Ministério da Saúde

Noticias

Já é público o novo Plano da Saúde para o Outono-Inverno 2020-2021 lançado pelo Ministério da Saúde que pretende responder aos desafios pandémicos e doenças em geral.

Este será um inverno desafiante para o sistema Nacional de Saúde, criar uma estratégia de antecipação permitirá ter respostas prontas e oferecer as melhores condições de assistência.

Os grandes objetivos deste Plano são a proteção dos mais vulneráveis e a preservação de vidas humanas, essencialmente no que se refere à população idosa residente em lares.
Este plano prevê um reforço da saúde pública, especialmente em situações de surto. Adapta as atuais áreas COVID-19 em áreas dedicadas a doentes respiratórios e os circuitos de internamento hospitalar para diferentes fases de resposta.

A própria DGS alerta para que este documento poderá sofrer alterações à medida que o inverno se aproxime, ou em resposta às necessidades de adaptação trazidas pelos diversos agentes de saúde pública presentes no terreno.

Pode conhecer o Plano da Saúde para o Outono-Inverno 2020-2021 completo aqui.

 

 

323 Visualizações GRIPE, CONSTIPAÇÃO OU COVID-19?

GRIPE, CONSTIPAÇÃO OU COVID-19?

Noticias

Com a chegada do Outono as temperaturas descem, a chuva começa a cair e as gripes e constipações chegam ao nosso dia a dia. No entanto aquilo que era óbvio em anos anteriores, mudou a partir de 2020 e é importante saber distinguir entre os sintomas de uma gripe, de uma constipação ou da COVID-19.

Embora as sintomas se possam confundir, existem pequenas distinções entre eles que nos vão ajudar a perceber o que se passa com o nosso corpo.

Para ajudar nesta tarefa, criamos a seguinte tabela de sintomas, com base na informação lançada pela Organização Mundial da Saúde:

A Direção Geral de Saúde disponibiliza ainda uma página de dúvidas sobre a Gripe, o que pode ajudar também a perceber os sintomas e decifrar os sinais.
Também a COVID-19 tem o seu espaço no site da DGS que deverá consultar regularmente, não apenas para perceber sintomas, mas também para se manter informado e evitar cair no pânico das fake news.

795 Visualizações PORTUGAL REGRESSA AO ESTADO DE CONTINGÊNCIA

PORTUGAL REGRESSA AO ESTADO DE CONTINGÊNCIA

Noticias

Maria Vieira da Silva anunciou ao inicio desta tarde que Portugal irá regressar ao estado de contingência.

Estas medidas entrarão em vigor a partir do próximo dia 15 de setembro, e pretendem responder ao regresso às aulas e ao local de trabalho de muitos portugueses.
O estado de contingência implica medidas mais apertadas, estado no qual ainda hoje se mantém a região de Lisboa e Vale do Tejo.
As novas regras que definirão o estado de contingência serão anunciadas no próximo dia 07 de setembro, dia em que regressam também as reuniões com o Infarmed, e pretende precaver as “alterações significativas em relação aos meses que temos vivido e importa antecipar”.

 

3.306 Visualizações Missa em honra de Ana Rita Pereira

Missa em honra de Ana Rita Pereira

Noticias

Informamos que amanhã, 21 de agosto, pelas 19h00 será realizada uma missa, na Igreja de Alcabideche, em homenagem à Bombeiros Ana Rita Pereira, que perdeu a vida em 2013 no exercício da sua função.

Este missa é aberta ao público.

1.766 Visualizações Regresso às aulas

Regresso às aulas

Noticias

As nossas modalidades desportivas regressam já no próximo dia 07 de setembro.

Com novas regras de funcionamento, mas com o mesmo espírito dinâmico que nos caracteriza, as aulas das modalidades desportivas reabrem já no próximo mês.
Este tempo de pausa permitiu-nos repensar o modelo de aulas e aplicar novas regras, garantindo assim a segurança de alunos, professores e pessoal administrativo.
Consulte as novas regras de funcionamento clicando aqui.

São várias as modalidades que temos disponíveis, desde danças, artes marciais, pilates, ginásio, yoga entre muitas outras, consulte a nossa oferta completa aqui, e escolha qual a modalidade que o vai fazer regressar à nova normalidade.

E recomeçamos com duas promoções, para lhe dar aquele incentivo extra.
As inscrições no ginásio e na modalidade de cross training estão isentas de caução nos meses de setembro e outubro.

As modalidades desportivas não foram esquecidas e também nestes meses, setembro e outubro, beneficiam de oferta do valor de inscrição e seguro.

Os nossos serviços administrativos estão à sua disposição para esclarecer qualquer dúvida, nos dias úteis entre as 08h00 e as 20h30 pelo 214607950 ou pelo email desporto@ahbva.pt.

Estamos à sua espera, até já.

814 Visualizações Alerta Laranja para o distrito de Lisboa

Alerta Laranja para o distrito de Lisboa

Noticias

Entre as 00h00 do dia 17 de julho e as 23h59 do dia 19 de julho o país está em situação de alerta face ao perigo de ocorrência de incêndios rurais.

Face às previsões meteorológicas nos próximos dias, foi declarado, pelos Ministros da Administração Interna e do Ambiente e Ação Climática, Situação de alerta em todo o território Nacional.

Este despacho coloca 8 distritos em estado de alerta laranja, onde se inclui o distrito de Lisboa. Os restantes distritos encontram-se já em Alerta Vermelho.

Esta declaração obriga à adoção de medidas preventivas, sendo:

“1) Proibição do acesso, circulação e permanência no interior dos espaços florestais previamente definidos nos Planos Municipais de Defesa da Floresta Contra Incêndios, bem como nos caminhos florestais, caminhos rurais e outras vias que os atravessem;

2) Proibição da realização de queimadas e queimas de sobrantes de exploração;

3) Proibição total da utilização de fogo-de-artifício ou outros artefactos pirotécnicos, independentemente da sua forma de combustão, bem como a suspensão das autorizações que tenham sido emitidas nos distritos onde tenha sido declarado o Estado de Alerta Especial de Nível Vermelho pela Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil;

4) Proibição de realização de trabalhos nos espaços florestais e outros espaços rurais com recurso a qualquer tipo de maquinaria.”

Fonte: Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil

 

1.120 Visualizações Afinal que testes existem à COVID-19?

Afinal que testes existem à COVID-19?

Noticias

Se é uma pessoa atenta tem ouvido falar muito nestas duas palavras: Zaragatoa e Serológicos.
Estas duas palavras são as mais usadas quando se fala sobre testes relacionados com a COVID-19, mas têm objetivos distintos.

Existem dois tipos de testes relacionados com a COVID-19, os Testes de Diagnóstico, que permitem saber se a pessoas está ou não infetada pelo novo Coronavírus, e os Testes Serológicos que permitem perceber se já possui anticorpos para a doença.

Os Testes de Diagnóstico ou PCR avaliam a presença do vírus no aparelho respiratório e são feitos retirando uma amostra de ambas as narinas e da garganta, através da passagem de uma zaragatoa (cotonete grande). O teste apesar de causar algum desconforto, é indolor e demora apenas alguns segundos. Estas amostras são posteriormente enviadas para os laboratórios certificados que se encarregam de fazer a respetiva análise. Os resultados costumam estar prontos entre 24 e 72 horas, dependendo sempre da afluência de pessoas a realizarem os testes.
Independente do resultado deste teste, qualquer pessoa que tenha estado exposta a situação de risco, deve manter-se isolada por 14 dias, isto porque a sua carga viral pode ser reduzida ao ponto de não ser detetável através deste Teste de Diagnóstico, mas suficiente para a transmitir a terceiros.

Já os Testes Serológicos servem para avaliar a presença de anticorpos específicos para o novo coronavírus no sangue. Estes anticorpos só aparecem em pessoas que já tenham estado em contacto com o vírus, mas é possível ter anticorpos e não estar infetado.  Estes testes podem ser feitos de duas formas, ou por testes rápidos que funcionam com a recolha de uma gota de sangue colocada num mostrador próprio ou por análise laboratorial com recolha de sangue.
No entanto deve optar-se sempre pelo teste em laboratório, uma vez que segundo a Associação Nacional dos Médicos de Saúde Pública, os testes rápidos apresentam baixa taxa sensibilidade, podendo conduzir a resultado falsamente negativo.

Procure obter informação de vários meios crediveis e não partilhe informação que possa causar más interpretações. Lutar contra esta pandemia é um trabalho de todos nós e uma população informada estará mais capacitada para o fazer.

Se quiser saber mais informação médica sobre a COVID-19 consulte o site da Associação Nacional dos Médicos de Saúde Pública, o site da Direção Geral de Saúde ou o Site da Organização Mundial de Saúde e lembre-se que esta é uma doença nova mas que existe toda uma comunidade cientifica à procura de respostas.

 

1.143 Visualizações Exercício de combate a Incêndio Rural em época COVID

Exercício de combate a Incêndio Rural em época COVID

Noticias

A Malveira da Serra, em Alcabideche, foi o palco escolhido para a realização do 1º Exercício de Combate a Incêndio Rural em época de COVID-19.

Todas as cinco corporações de Bombeiros de Cascais marcaram a sua presença, naquele que pretende ser um exercício de treino para preparar as equipas para os incêndios rurais. Também o Serviço Municipal de Proteção Civil e as Autoridade Policias estiveram no local a apoiar os trabalhos.

O cenário preparado foi de um incêndio florestal com 8 pontos de intervenção, combatido por 8 equipas.

Além do trabalho realizado pelas equipas no terreno, onde se pretende a organização do teatro de operações e o estabelecimento de medidas, também para os elementos do Posto de Comando este foi um exercício que os pretendeu preparar para o desenvolvimento, ação e implementação de um plano estratégico. Este ano o exercício foi preparado de forma especial, tendo em conta o cenário de pandemia que se vive.

Este exercício contou com a participação de cerca de 70 operacionais, 14 veículos dos distintos corpos de Bombeiros e teve uma duração de aproximadamente 4 horas.

This slideshow requires JavaScript.

1.376 Visualizações Tudo o que mudou esta noite na área Metropolitana de Lisboa

Tudo o que mudou esta noite na área Metropolitana de Lisboa

Noticias

De dia para dia os novos casos de COVID-19 crescem na área metropolitana de Lisboa.
Esta situação obrigou o governo a aplicar medidas especiais para a contenção da pandemia, que entraram hoje, à meia noite, em vigor.

“Assim, no âmbito da estratégia de prevenção, contenção e mitigação da pandemia da doença COVID -19 em Lisboa e Vale do Tejo, importa garantir a aplicação de medidas especiais e de caráter excecional na Área Metropolitana de Lisboa, por ser a mais afetada presentemente.” Poderá ler aqui o documento.

As novas regras passam a:
-Grupos de 10 pessoas máximo, salvo pertença ao mesmo agregado familiar;
-Encerramento de estabelecimentos de comércio e retalho às 20h00. Esta regra não se aplica à restauração;
-Proibida a venda de bebidas alcoólicas nas áreas de serviço ou postos de abastecimento de combustível;
-Proibido o consumo de bebidas alcoólicas em espaços ao ar livre de acesso ao público;
-Reforço, em caso de necessidade, das equipas de segurança e socorro;

O não cumprimento destas regras é considerado e tratado como crime de desobediência.