861 Visualizações

Olá Rita,

Bolas, já lá vão 5 anos, nem dá para acreditar. Pode ser cliché, mas o tempo passa mesmo a correr. E que saudades….
Dizem que o tempo cura tudo (outro cliché) mas não cura, é mentira, ameniza, ajuda o cérebro a apagar pequenas memórias, torna os acontecimentos distantes, mas não cura, continuamos cheios de saudades tuas. Na realidade, acostumas-te, resignas-te, és obrigado a aceitar.

Mas esta carta que te escrevemos não é para ser lamechas, na realidade queríamos falar contigo, assim também vale? Achamos que sim e sinceramente, o que prevalece é aquilo que queremos, não nos interessa a opinião dos ‘outros’.

As coisas por cá têm sofrido a evolução dos tempos, umas melhores, outras piores. Gostávamos de dizer que permanece tudo igual, como deixaste, mas todos sabemos que isso seria impossível, uns crescem, outros partem porque a idade ou a doença não perdoam. Também crescemos em género, número e maturidade. Temos uns quantos mini-seres novos na família, ias gostar de conhecer estes novos bebés. A tua bebé já deixou de o ser, cresceu, mas sabes isso melhor que nós. Claro que ela contínua por cá, connosco, tal como te prometemos que aconteceria. É verdade, viste as fotografias que fizemos no dia da criança? A Madalena estava fascinante. Aqui fica para que a possas rever sempre que te apetecer. Está uma miúda linda.

Temos feito algumas conquistas, tens acompanhado? Ganhámos 3 orçamentos participativos, o que nos veio dar uma ajuda que nem imaginas! Melhorámos a frota automóvel o que facilita bastante o trabalho e permite ajudar mais e com qualidade. O pessoal conseguiu EPI’s novos, anda mais protegido. Não lhes cria uma capa mega poderosa contra o fogo (apesar de eles às vezes se esquecerem disso) mas ajuda bastante a que voltem com menos mazelas. Neste campo aprendemos alguma coisa. És uma lição de VIDA para nós Rita, e não dizemos isto porque aquela desgraça de 2013 nos obrigou a rever muitas coisas ao nível da proteção e combate. És uma lição de vida pela tua maneira de ser e viver, bruta, forte, batalhadora, protetora dos teus pares, uma princesa encantada que adora cores, e vernizes e arranjar as sobrancelhas aos colegas e que se mascara nas festas e que nunca se cala, e louca, e acima de tudo, sempre capaz de por um sorriso na cara de qualquer um.
Guarda isso de nós, que nos fazes melhores.

Temos agora uma Equipa de Intervenção Permanente, começou faz pouco tempo, para nos ajudar e reforçar o socorro ao longo do ano. Participámos no Campeonato Regional de Trauma pela primeira vez, e olha que até nos portámos bem. Também estivemos no EU SETEX-USAR  em 2015. Temos feito uma forte aposta na formação, em diversas áreas, muitos exercícios de treino, criámos até protocolos e parcerias com entidades de formação. Foram-nos feitas algumas homenagens. Lançámos o nosso livro. Fomos selecionados entre as três melhores corporações para receber o prémio boas práticas, na área temática de Incêndios Florestais (acho que por aqui percebes que temos apostado bastante neste campo).

Vamos seguindo assim, a tentar dar o nosso melhor e a conquistar novos caminhos. Na realidade as mudanças acontecem, mas a essência dos Bombeiros de Alcabideche é a mesma, é aquela da qual tu fazes parte.

Não te conseguimos contar tudo este ano, mas no próximo fazemos-te uma nova atualização. Entretanto vai dando, por aí, uma vista de olhos em nós, às vezes precisamos de uma mãozinha tua.

Manda um abraço nosso ao Bernardo.

Até já Rita.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *