620 Visualizações

Com a chagada do verão e do bom tempo as actividades ao ar livre aumentam
significativamente.
Os cuidados sobre as crianças devem ser redobrados, já que estas são as primeiras vítimas do calor e do sol.
As crianças podem rapidamente desidratar e sofrer uma insolação. Os sintomas são claros, vómitos e dores de cabeça. Para evitar desconfortos devem ser tomadas algumas precauções. A ingestão de líquidos ao longo do dia é fundamental, bem como a utilização de chapéus para proteger a cabeça e óculos de sol para a protecção dos olhos.
Para a protecção dos raios UVB, devem ser utilizados cremes de protecção solar, fazendo várias aplicações ao longo do dia.
Existem actualmente no mercado roupas e tendas com protecção UVB.

Com a abertura da época balnear e o aumento significativo de aglomerados de pessoas nas praias torna-se fundamental aumentar tambem a vigilância.
O desaparecimento de crianças nas praias é uma realidade.
Neste caso deve-se agir com calma.
A primeira medida a tomar é verificar de imediato se a criança se encontra junto à água, o risco de afogamento é real e urgente. Questione os restantes banhistas, uma criança sozinha na praia desperta a atenção. De seguida deverá alertar as autoridades para o facto. Se possível, é importante que permaneça uma pessoa no ultimo local em que esteve com a criança.
É importante lembrar que as crianças quando caminham na praia tem tendência a ir no sentido oposto ao sol porque os raios solares incomodam os olhos, esta é a primeira direcção a tomar.

Uma conversa prévia de sensibilização e alerta, pode ajudar a prevenir este tipo de situações.

Aproveite o Verão de forma saudável e com responsabilidade.

Deixe uma resposta